NOTÍCIAS

REFORMA DA PREVIDÊNCIA EM PAUTA NOVAMENTE
Segunda-Feira, 28 de Janeiro de 2019
A reforma da previdência volta como um dos principais objetivos da equipe econômica do presidente recém empossado, Jair Bolsonaro

Dessa forma, o Fórum Gaúcho em Defesa da Previdência retoma as mobilizações em defesa dos direitos previdenciários dos trabalhadores do setor público. Criado em 2017, se contrapondo à proposta de reforma da previdência, pela PEC 287/16, a qual o governo de Michel Temer não conseguiu aprovar, o Fórum, do qual a APROJUS faz parte, congrega Associações e Sindicatos de diversos segmentos do serviço público. A APROUS participou, no dia 22/01, terça-feira, de reunião que definiu diversas atividades, tendo em vista a iminência de uma reforma extremamente prejudicial, tendo como principal alvo os servidores públicos. A exclusão da contribuição patronal, elevação da  alíquota previdenciária e implantação de sistema de capitalização nos mesmos moldes do Chile são possibilidades que vem sendo especuladas, configurando-se principais objetos de preocupação das entidades. No Chile, por exemplo, com o sistema capitalizado e sem a contribuição do empregador, um aposentado atualmente recebe em torno de 30% do salário mínimo. Não se conhece ainda o exato teor da nova proposta e até o momento nada foi construído com a participação das representações de classe. O tema é monitorado também pela União Gaúcha em Defesa da Previdência - UG, entidade de âmbito estadual, a qual a APROJUS também é integrante.

O primeiro movimento do Fórum foi um ato na esquina democrática, no dia 24/01 - quinta-feira, dia do aposentado. Mais atos de mobilização estão previstos para o mês de fevereiro e março.

Deliberações:

reativação do coletivo jurídico do Fórum;

organização de seminários e palestras;

plenária conjunta (27/2) ;

interiorização do movimento;

manifestos e atos conjuntos. 



MAIS NOTÍCIAS
voltar
Fasp União Gaúcha