NOTÍCIAS

DIGA NÃO AO AUXÍLIO-MORADIA
Quarta-Feira, 08 de Outubro de 2014

O valor que será gasto com o pagamento de auxílio-moradia a juízes, desembargadores, promotores e procuradores de justiça - aproximadamente R$ 110.000.000,00 por ano - seria suficiente para construção de 22 mil casa populares, o que zeraria, num prazo de 6 anos, o déficit habitacional no estado, que, hoje, é de R$ 180.000 residências.

O mesmo valor seria suficiente para construção de 84 unidades básicas de saúde ao custo de R$ 1.300.000,00 cada ou ainda para contratação de 64.820 professores da rede pública do estado, recebendo o piso nacional de R$ 1.697,00.

É OU NÃO É UM ABSURDO?!

Esse dinheiro é dinheiro público e poderia ser muito melhor aplicado, inclusive, dentro do próprio Poder Judiciário e do Ministério Público, na contratação de mais servidores e membros, ampliando, assim, a rede de atendimento à população gaúcha e melhorando os serviços prestados.

PARTICIPE VOCÊ TAMBÉM E ASSINE A PETIÇÃO CONTRA O PAGAMENTO DO AUXÍLIO-MORADIA CLICANDO NO LINK http://goo.gl/YZqZvN

https://avaazdo.s3.amazonaws.com/567498e739ae94bfe8ad4aee2e2ddefa.jpg


MAIS NOTÍCIAS
voltar
Fasp União Gaúcha