NOTÍCIAS

APROJUS faz visita à Promotoria de Tapes e faz requerimento de providências urgentes ao Procurador-Geral de Justiça.
Quarta-Feira, 12 de Fevereiro de 2014
A Vice-Presidente da Aprojus, Carmen Pasquali, compareceu, no dia 10/02 - segunda-feira, em visita na Promotoria de Tapes, a fim de verificar a situação a que estão submetidos associados e servidores do Ministério Público, em razão das obras no local. Foi constatado que a situação de fato é grave.

O prédio da Promotoria está em obras desde dezembro de 2013 e os servidores trabalham e inclusive atendem ao público em ambiente totalmente empoeirado, com materiais de obra e de pintura espalhados pelos corredores, fios soltos e ruídos ensurdecedores. Para piorar as condições de risco, as escavações feitas no estacionamento estão abertas e inundadas, o que favorece a proliferação de insetos. Se não fosse o período de férias, as condições se agravariam além do suportável, pois todos os servidores, estagiários, servidor que vem pelo voluntariado e Promotor Substituto estão confinados na sala da Secretaria, na entrada da Promotoria, cujo ar condicionado não dá vencimento adequado. Além do mais, há a disponibilidade de apenas um banheiro, para uso geral.   Desta forma, constada a situação de risco pelo ambiente totalmente insalubre a que estão expostos os servidores, a APROJUS comunicou oficialmente o fato ao Procurador-Geral de Justiça, documentando com fotografias e requerendo providências de forma urgente, a fim de garantir a continuidade da prestação dos serviços dentro das normas  de segurança e saúde. Ofício protocolado em 11/02/2014, PR.00958.00908/2014-5.  



MAIS NOTÍCIAS
voltar
Fasp União Gaúcha